Autárquicas 2017

eCom as eleições autárquicas deste ano, os municípios andam numa roda-viva a fazer obra. Nos anos anteriores pouco ou nada se fez, guardando-se o orçamento para o ano derradeiro, a fim de encher o olho às populações. Tem sido assim sempre. A população, em geral, tem da política uma ideia próxima da que tem do futebol: é tudo uma questão de clubes, do “meu” clube. Joguem pior ou melhor as equipas, podem sempre contar com o apoio (voto) dos sócios e simpatizantes. Ninguém trai o seu clube: uma heresia. É pena que não haja autárquicas todos os anos. Seria, no entanto, muito cansativo para os municípios.