Biblioteca de rua

tumblr_nyjs7j31OD1r8h8guo1_1280

É tão improvável ver uma biblioteca deste tipo em Portugal. Havia uma na Praça de Londres, em Lisboa. Não sei se ainda há.

Anúncios

Os livros no super

As bancas dos supermercados vão substituindo as livrarias. Ali ao lado da comida para bobis e tarecos, esquina com os escaparates de champô. Grandes autores que não conseguiram vender uma primeira edição, ao lado de best-sellers com mil páginas, misturados com livros embrulhados em celofane e tule, oferecem-se aos olhares desconfiados de improváveis leitores. Aqui, no litoral interior, olham para os livros à distância, e não lhes tocam. O que lhes chama a atenção são os descontos (50%, 40%, 20%). Julgo que ficam a pensar na possibilidade de utilizar os descontos na compra de fatias de entremeada ou febras de porco.

Pó dos Livros: A livraria de bairro

Num país como Portugal, em que as grandes superfícies foram ganhando espaço no panorama do comércio livreiro, ainda há livrarias que prestam um serviço personalizado em que o cliente é atendido e aconselhado por livreiros experientes que, para além dos anos de experiência na área, têm um vasto conhecimento literário para poderem melhor servir os gostos de quem atendem. É o caso da Pó dos Livros, uma livraria de bairro, independente e alternativa, em que os livreiros não são apenas vendedores de livros, mas especialistas na arte de ler.

Fonte: Pó dos Livros: A livraria de bairro – Escritores.online